Notícias

13 de maio de 2013

Marco Aurélio Sprovieri participa da abertura da Feicon 2013


Começou hoje no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em SP, a 19ª Feicon Batimat (Salão Internacional da Construção). Com 1030 marcas expositoras, de 27 países, 35% a mais que na edição anterior, em 2012, o evento deve ter mais de 2.000 lançamentos, de todos os segmentos da construção civil. Completa a exposição, um Núcleo de Conteúdo com palestras e debates de arquitetos e engenheiros sobre os desafios atuais e as tendências para construção. A feira vai até sábado, 16. Entrada gratuita para profissionais do setor pré-credenciados pelo site www.feicon.com.br. Em cerimônia de abertura da 19ª Feicon Batimat (Salão Internacional da Construção), o governador Geraldo Alckmin destacou as grandes obras e investimentos do governo do Estado de São Paulo, em pareceria com a indústria e comércio da construção civil. Segundo Alckmin, “quando a construção civil vai bem, o emprego vai bem. Isso ajuda duplamente. O emprego leva ao consumo e atrai mais investimentos”. O governador anunciou a ampliação do Centro de Exposições Imigrantes, que deve triplicar de tamanho, com a transferência da Secretaria de Agricultura para o centro da cidade, no antigo Hotel Esplanada, e também apoio à obra do “Piritubão”, centro de exposições que deverá ser construído para concorrer a Expo 2020. “Iniciamos uma PPP (parceria público-privada) para a construção da Linha 6 do metrô, que deve ir da estação São Joaquim, passando por universidades como PUC e Mackenzie, até a Freguesia do Ó e Brasilândia. Anuncio também a primeira PPP para habitação de interesse social, que tem como objetivo revitalizar o centro expandido da cidade de São Paulo, em bairros como Liberdade, Bela Vista, Mooca e Pari. A subprefeitura da Sé, por exemplo, tem 17% dos empregos de toda a cidade, mas possui somente 3% dos moradores. Somente essa PPP deve movimentar R$ 4,6 bilhões.”Estão em andamento também estudos para a implantação de trem-bala, que fará conexão entre os aeroportos de Congonhas, Cumbica e Campo de Marte. Outra linha ligará a Água Branca, na zona oeste de São Paulo até Jundiaí, em 25 minutos. Alckmin também anunciou o começo das obras do Rodoanel Norte. “Hoje começa a construção do último trecho do Rodoanel Norte, que completará 170 km de Rodoanel. Dentro de 12 meses inauguraremos também o Rodoanel Leste. No próximo quadriênio serão R$ 100 bilhões em investimentos, em obras como a ampliação do metrô, rodovias, portos e a duplicação da Tamoios”. Alckmin também anunciou programa do Banco do Povo que deve oferecerá microcrédito com zero juros para pequenas reformas, inicialmente para CDHUs. O aporte inicial, segundo o governador, será de R$ 100 milhões. O programa Minha Casa Minha Vida está investindo, em cada moradia, R$ 20 mil. Varejo e indústrias com otimismoO governador também comentou assunto levantado por Walter Cover, presidente da Abramat (Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção), e Cláudio Conz, da Anamaco (Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção), a respeito da simplificação da MVA (margem de valor agregado), que hoje abrange 126 itens. Organizados, ambos os segmentos da construção civil obtiveram respaldo do governo estadual no objetivo de diminuir a margem para cinco ou seis itens. As entidades confirmaram otimismo para a feira. Para Cover, a indústria de materiais de construção deve crescer entre 4% e 5% este, ano, com forte impulso do consumo familiar, que representa cerca de 50% das vendas do setor. Conz salientou o número de visitantes formado por revendedores na Feicon Batimat, de 62 mil visitantes apenas do varejo nacional. A Feicon Batimat 2013 reúne 1030 marcas expositoras entre nacionais e internacionais, que mostram novidades e lançamentos para um público de cerca de 130 mil visitantes. A expectativa é que a feira tenha cerca de 2.000 lançamentos. O evento vai até sábado, 16, no Anhembi, em SP.Estiveram presentes também à solenidade Silvio Torres, secretário de Habitação do Estado de São Paulo, o deputado estadual Dilador Borges e o deputado federal Ricardo Trípoli, Mario Luiz Sandoval Schmidt, da Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras e o presidente do SincoElétrico, Marco Aurélio Sprovieri.

 

feicon-2013