Notícias Fecomercio

3 de julho de 2018

Brasil perdeu 6,7 milhões de linhas de celular em um ano


Segundo a Anatel, País encerrou o mês de maio com 235,5 milhões de linhas de celular

O Brasil encerrou o mês de maio com 235,5 milhões de linhas de celular, com total de 6,7 milhões a menos do que o registrado em maio do ano passado. Os dados divulgados na segunda-feira (2) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) medem os acessos, e não o número de pessoas com linhas, já que diversas pessoas podem adquirir mais de um chip.

Do total de linhas registradas em maio, 144,15 milhões eram pré-pagas, o que representa 61%. No mesmo período, os contratos pós-pagos cresceram 11 milhões.

Além disso, os dados da Anatel mostram que a tecnologia 4G se estabeleceu no País, chegando a quase metade dos acessos (49%). O 3G ainda é representativo, sendo usado em 31,7% dos acessos, enquanto o 2G está presente em 12% das linhas.

Voltar para Notícias