Notícias locais

10 de outubro de 2018

Dia das Crianças deve aumentar em 3% as vendas em SP, estima ACSP


O Dia das Crianças do ano passado, o varejo de SP apresentou crescimento médio de 3%, o qual se deu sobre uma base fraca de comparação, já que nos anteriores a recessão puxou as vendas para baixo no período.

Para a Associação Comercial de São Paulo (ACSP), o Dia das Crianças de 2018 deve gerar um aumento médio de 3% no movimento de vendas das lojas da capital paulista, no confronto com o mesmo período de 2017. “Como antecede o Natal, o Dia das Crianças equivale a um último grande termômetro antes do período natalino, principal data do ano para o comércio. Ainda que não tenha grande peso para o setor como um todo e seja voltado para os ramos de brinquedos, vestuário infantil e eletrônicos (tablet, videogame, smartphone), se o Dia das Crianças vender bastante brinquedo é porque o comércio está mais aquecido, o que vai se refletir no Natal”, declara Alencar Burti, presidente da ACSP.

No Dia das Crianças do ano passado, o varejo de SP apresentou crescimento médio de 3%, o qual se deu sobre uma base fraca de comparação, já que nos anteriores a recessão puxou as vendas para baixo no período.

Burti ressalta que o desempenho de 3% esperado para 2018 é próximo do ritmo do comércio ao longo do ano ? no período acumulado de janeiro a setembro, o Balanço de Vendas/ACSP registrou crescimento médio de 2,4% no movimento de vendas, sobre igual período do ano passado. “É importante lembrar que a realização do primeiro turno das eleições dia 7/10, no fim de semana anterior ao Dia das Crianças, pode diminuir o movimento nas lojas, já que a atenção do consumidor tende a estar voltada para o cenário político e a escolha dos candidatos”, finaliza o presidente da ACSP.

Voltar para Notícias